• André Ahlert

O marketing já está pago.




O marketing já é pago no preço de seu produto.


Não posso dizer quantas vezes já ouvi as pessoas dizerem que não estão dispostas a gastar dinheiro em marketing, porque têm que ter lucro em seus produtos ou serviços. Este é um mal-entendido fundamental dos negócios, e acredito que seja a causa raiz do porquê de tantas pessoas falharem ao iniciar seus próprios negócios.


O marketing não é uma despesa; é um investimento. Seu produto não está completo até que você o tenha comercializado o suficiente para que as pessoas saibam sobre ele e queiram comprá-lo.


Se você não fizer isso, então seu produto ficará nas prateleiras juntando poeira até que alguém finalmente leve tempo para comercializá-lo para você - mas até lá, pode haver dezenas ou centenas de outros produtos similares competindo contra o seu (e o deles) pela atenção de consumidores que talvez nunca saibam o que estão perdendo!


Colocando o foco em uma perspectiva startupeira, quando avaliamos qualquer projeto que tenha um olhar em MVP (Minimum Viable Product) podemos entender que para o lançamento de um serviço ou produto singular, com viés de inovação ou não, é necessário o investimento e a capitalização direcionada ao marketing (entenda como publicitário, direto, digital, entre outros ...).


Como podemos trazer esse olhar e mensurar um investimento mínimo que se pague através das suas vendas?


FPV é a solução. Acho que isso é o porém que responde o mal entendido que eu vejo mercado a fora. O fato é que poucos empresários (seja por desconhecimento, falta de tempo e foco ou ambos) têm dificuldade em realizar uma análise simplificada de custeio e formação do preço de venda dos seus itens.


É aquele, compro por X vendo por 2X. No final do exercício, a conta não fecha, o balanço não entra, é prejuízo ou é empréstimo. Vendas e operações estourados. Surgem aos montes a pressão por restrição orçamentária e por redução de custos.


Mas que paradoxo infeliz para uma empresa! Não tenho verba para investir em algo que projeta novas vendas, sendo que quando não faço isso tenho a concorrência no cangote para empurrar a companhia ladeira a baixo em faturamento e marketshare.

Vamos falar de estratégia? Então pega aí dois conceitos fundamentais para o entendimento do seu negócio:


CAC: Custo de aquisição de cliente.
FPV: Formação de Preço de Vendas.

Antes de iniciarmos uma análise mais aprofundada de como você deve organizar as finanças do seu negócio e fazer com que seu cliente pague pelo seu marketing, é preciso entender quanto custa para adquirir este cliente.


A fórmula para calcular o CAC é:


CAC = Custo Total para Aquisição de Clientes / Número de Clientes Adquiridos


Mas o que podemos entender como custo total para aquisição de clientes?


Investimentos como:

  • Time e Pessoal de Vendas;

  • Materiais Publicitários Impressos;

  • Verba em Tráfego pago (Google, Facebook, LinkedIn Ads);

  • Gravação e produções audiovisuais;

  • Agências de Marketing;

É importante avaliar o investimento atual, por mais que seja pequeno, para que você tenha uma noção geral de qual é o custo mensal / trimestral / semestral que tem em um período fechado e calculável.


Durante este período, é possível ainda que você algumas análises interessantes como:

  • Quantidade de Clientes Recorrentes Atendidos;

  • Quantidade de Clientes Adquiridos no Período;

  • Faturamento Bruto realizado no período;

  • Lucro Bruto realizado no período.

Essas análises permitem que você chegue ao CAC, mas também tenha noção de custo de aquisição de cada R$ de lucro ou faturamento (gosto de chamar de CAF ou CAL).


Olhando um cenário simples de varejo, como exemplo:

  • Faturamento Total: 650 mil reais mensais;

  • Custo total de Aquisição: 15 mil reais mensais;

  • Vendas realizadas no período: 5000 tickets;

  • Novos clientes entrantes: 200 clientes / mês;

  • CAC = R$75,00;

  • CPA (Custo por ação, nesse caso, a venda) = 15000 / 5000 = R$3,00.

  • Faturamento Médio por conversão: 650K / 5K tickets = R$ 130,00

O que é importante ver neste cenário? Cada uma de suas vendas contribui com R$3,00 para que a ação de marketing gere 15 mil reais de faturamento.


É importante deixar claro que os conceitos de CAC e de CPA podem ter ações diferentes, se levarmos em consideração que um cliente adquirido (que no cenário custa R$75,00) não realizar nenhuma compra adicional durante o período de análise. Mas não vou complicar neste momento com o conceito de LTV (Life Time Value - deixaremos para outro blogpost).


No entanto, olhando o cenário acima, conseguimos ter um dado interessante para avaliarmos: o CPA dividido pelo valor médio do item.


% de custo do marketing frente ao faturamento: 3/130 = 2,30%.


Entender seus números é fundamental para uma análise bem fundamentada. Por isso a pergunta:


Hoje: Quantos % o seu marketing toma do seu valor de faturamento?


gif



Esse não é o único ponto, pessoal. Quando olhamos com esse prisma, o cliente está pagando o marketing de forma diluída, ou seja, o investimento que é feito, somado a inúmeros fatores sazonais faz com que haja um retorno que é diluído.


Ou seja, quanto mais clientes, menos valor o seu cliente paga do marketing. Podemos olhar de outro prisma: Quanto mais clientes, mais o marketing retorna financeiramente para o seu negócio.


É claro: uma boa formação de preço de vendas, com o levantamento dos seus custos diretos e indiretos, despesas e margem permitem uma análise melhor para que você entenda:

  1. Seus horizontes de investimentos atuais em marketing;

  2. O quanto você pode alavancar sua empresa com investimentos consistentes;

  3. O quanto você precisa de fato revisar seus fornecedores e parceiros atuais.

Nosso time pode ajudar você a entender melhor seus números e elaborar um projeto de alavancagem para suas vendas.


Ficou interessado? No nossa homepage www.markhub.com.br tem um link para agendar uma reunião comigo. Nós apoiamos você na caminhada!





14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Quer saber mais?

Preencha o formulário abaixo!

Em breve retornaremos sua mensagem. Obrigado!

© 2022 por MarkHub - Todos os direitos reservados.